IMPÉRIO DOS OUTEIROS

Já foi inaugurado em 22 de maio de 2005

Bodo dos Outeiros

 

O nascimento de um Império

 

     O esforço, o sacrifício e muito trabalho comunitário em louvor ao Divino Espírito Santo, está a culminar, nos Outeiros, na construção de um império e respectiva despensa, obra há muito aguardada pela população daquela comunidade da freguesia de Agualva, concelho da Praia da Vitória, ilha Terceira, Açores

     Com os apoios da Câmara Municipal da Praia da Vitória, da Junta de Freguesia de Agualva, dos emigrantes, de fundos angariados pela anterior comissão, da população em geral, da mão-de-obra da actual comissão de mordomos e de alguns materiais de construção, nomeadamente, a areia pela firma Fournier, o novo império, apenas o triato, será brevemente inaugurado aquando o Bodo dos Outeiros, evento que se realiza logo a seguir ao segundo Domingo de Bodo, este ano no dia 22 de Maio.

     Com obras iniciadas no final de Outubro de 2004, o Império foi desenhado por Floriano Raposo e, intencionalmente, segue a mesma traça do Império da freguesia existente no Largo da Igreja e construído em 1873.

     Para os actuais mordomos, Francisco Norberto Azevedo, Jorge Godinho Areias, Jorge Maciel, José Carlos Fagundes, Luís Manuel Ázera e Norberto Areias de Melo, a construção deste império vem colmatar uma necessidade premente, a de dotar o Bodo dos Outeiros de um espaço físico próprio. Durante mais de 50 anos, o altar e a despensa foram montados numa moradia particular.

 

O Bodo dos Outeiros

     O dar o bodo, terá começado por volta de 1929 com a oferenda a crianças e está relacionado com uma ermida que alô terá existido.

     Embora com um interregno de 14 anos, voltou de novo em força. Durante cerca de 50 anos o Bodo dos Outeiros, festa móvel realizada logo no domingo posterior ao segundo Domingo de Bodo, o altar e a despensa foram montadas numa moradia existente defronte ao actual lugar onde está sendo construído o novo Império.

     Nos cerca de 50 anos, o Bodo dos Outeiros reúne a população da freguesia de Agualva e forasteiros que ocorrem a este festejo em louvor do Divino Espírito Santo.

 

Rui Marques

(marques.rui@portugalmail.pt)

A Inauguração

 

     Foi no passado dia 22 de Maio que os Oiteiros, lugar da freguesia de Agualva, inaugurou o seu Império do Espírito Santo, obra acalentada já alguns anos pela população daquele referido lugar agualvense.

     Com mão de obra totalmente comunitária, num espaço de poucos meses ergueram o mais novo Império dos Açores, e que segue a traça arquitectónica do seu congénere existente no Largo da Igreja, na referida freguesia e que foi construído por volta 1873.

     Parafraseando Fernando Pessoa “Deus quer, o Homem Sonha, a Obra Nasce”, Luís Maciel, um dos elementos da comissão de mordomos, no seu discurso de inauguração, não deixou de referir o sacrifício, o trabalho e o tempo empregue numa obra para a comunidade. Já o Presidente da Freguesia de Agualva, Francisco Santos, referiu ser uma obra “de união de todos os agualvenses”.

 

Notícia enviada pelo jornalista Rui Marques.

O novo Império dos Outeiros, em construção e no dia da inauguração.